sustentabilidade e gastronomia - 00

Sustentabilidade e a Gastronomia

Gostaria de começar perguntando se vocês

sabem o que é sustentabilidade?

 

 

 

Hoje em dia falamos tanto, o tempo todo, em todas as áreas sobre sustentabilidade, mas afinal, o que isso significa?

 

Pra quem não sabe, a palavra sustentável tem origem no latim “sustentare” , que significa sustentar, apoiar e conservar. O conceito de sustentabilidade está normalmente relacionado com uma mentalidade, atitude ou estratégia que é ecologicamente correta, e viável no âmbito econômico, socialmente justa e com uma diversificação cultural.

 

A sustentabilidade envolve atender às necessidades do nosso presente sem comprometer as possibilidades e as necessidades das futuras gerações. Geralmente envolve ser ecologicamente correto, não esgotar os recursos da natureza, tratar o meio ambiente com respeito, haver um equilíbrio entre o que retiramos da natureza e o que oferecemos em troca, valorizar a diversidade, promover relações de respeito com todos e gerar benefícios para todos.

 

sustentabilidade e gastronomia - 01

 

 

A sustentabilidade vem sendo aplicada em diversos lugares e regiões, mas do ano passado para cá ganhou espaço na mesa dos brasileiros, a nossa famosa “Gastronomia Sustentável“.

 

A Gastronomia sustentável está ganhando cada vez mais os brasileiros e pode ser rentável para os estabelecimentos, visto que está atraindo cada vez mais consumidores. Muitos restaurantes e bares tendem a ir nessa direção, pois os consumidores também valorizam a defesa do meio ambiente.

 

sustentabilidade e gastronomia

Os impactos ambientais causados pelo consumo alimentar errado levaram grandes e renomados chefs de Gastronomia a repensar na cadeia alimentar, desde os produtores, fornecedores até o modo de preparo das refeições, tudo para aproveitar ao máximo os alimentos sem agredir o meio ambiente. Cada vez mais os estabelecimentos gastronômicos estão adotando práticas sustentáveis, que refletem em mudanças na gestão, logística e cardápio dos estabelecimentos.

 

A gastronomia sustentável se preocupa com matérias-primas utilizadas no preparo dos pratos, a fim de diminuir ao máximo os danos ao meio ambiente, contribuindo com o desenvolvimento regional. Bem como suas sobras.

 

Alguns princípios básicos de sustentabilidade

-Produtos Orgânicos: Utilizar ingredientes orgânicos reduz os danos causados por pesticidas e fertilizantes que são responsáveis pelos danos ao solo e aos recursos hídricos e ainda prejudicam a saúde humana.

-Ingredientes Regionais: Além de diminuir as emissões de gases de efeito estufa derivados do transporte, dar preferência aos produtos regionais beneficia os produtores locais, gerando renda e melhorando a qualidade de vida de todos;

-Utilizar espécies fora de extinção: Muitas pessoas ainda consomem produtos derivados de espécies ameaçadas como é o caso do Palmito Juçara altamente consumido no Paraná. Evitar a utilização destas espécies, dando preferência aos produtos certificados, reduz as possibilidades de extinção e incentiva a produção legalizada.

-Sem desperdício: Evitar o desperdício de alimentos reduz os gastos com ingredientes, aproveita melhor o nutriente dos alimentos e ainda reduz a produção de resíduos orgânicos.

 

 

 

Para a prática da gastronomia sustentável, o empreendedor deve se preocupar não somente com estes itens como também o gerenciamento da água, gás e energia, com o destino correto e diminuição de resíduos, com compras e logísticas sustentáveis, em não desperdiçar alimentos e aproveitá-los 100% no cardápio, privilegiar produtos orgânicos, sazonais e regionais e/ou com registros de procedência.

 

Mas aí vocês me perguntam: Tá, e eu fazendo isso ajudo o mundo como?

 

Ah…. você ajuda na redução de emissão de gases do efeito estufa; conservação da biodiversidade; proteção de espécies animais e vegetais em extinção; valorização da agricultura e pecuária da sua região; redução de resíduos de lixo; ingestão de alimentos saudáveis e o máximo de aproveitamento dos ingredientes.

 

Essas são apenas algumas das vantagens da gastronomia sustentável que depende de cada um de nós de forma direta e indireta a prática diária. Então antes de escolher o seu cardápio invista nessa ideia, que não é uma moda, e veio para ficar!

 

Deixe sua opinião, assim podemos melhorar.

Artigos Relacionados

Escreva sua mensagem