Sucesso sem segredos do Festival LEM

Reunindo chefs de todo Brasil o III Festival LEM

de Gastronomia já é sinônimo de sucesso

 

 

 

Município de Luís Eduardo Magalhães oeste da Bahia, entre os dias 5 e 7 de agosto, recebeu o III Festival LEM de Gastronomia da cidade, organizado pela chef Rosa Gonçalves e seu companheiro Jairo. O festival trouxe chefs e oficineiros de todos os cantos do país, resultando numa profusão de cores, sabores e sotaques.

 

Com um cronograma bastante extenso e variado, não faltaram assuntos nem opções para os paladares dos milhares de visitantes. Com objetivo de valorizar a agricultura da cidade, bem como as riquezas das tradições locais que estão sendo passadas para as gerações mais novas.

 

A estrutura do festival contou com feirinha gastronômica, onde expositores comercializam seus produtos e divulgavam sua cidade e suas riquezas, destaque para o stand Sabores da Amazônia, Agenda 21, Mandacaru e os chocolates de Itacaré.

 

 

A História

O município de Luís Eduardo Magalhães era antes um pequeno povoado denominado Mimoso do Oeste, que passou em 03/12/1987 a ser distrito de Barreiras, através da Lei n° 395/1997. Em 17/11/1998, passou a denominação atual.

LEIA MAIS

Atualmente o município conta com uma população estimada em 80 mil habitantes, constituída principalmente por imigrantes do sul do país e por nativos, que aos poucos perdem suas características próprias, tanto na maneira de se comportar e falar como na alimentação, isto se dá pela grande mistura de raças e por absorver os costumes sulistas. Sua população é muito religiosa, possuindo a cidade duas Paróquias Católicas e mais de quarenta Templos Evangélicos, estima-se que mais de quarenta por cento da população sejam evangélicos.

 

município de Luis Eduardo Magalhaes - igreja

 

Possui a décima economia do estado da Bahia, sua região é responsável por 60% (sessenta por cento) da produção de grãos do estado, sua renda per capita é uma das maiores do interior do nordeste. Seu parque industrial é composto por empresas líderes em seus segmentos, inclusive quase vinte multinacionais.

 

Aqui vale colocar um parênteses, para citar empresas pioneiras, que se instalaram aqui por esforço pessoal do Sr. Arnaldo Horácio Ferreira, entre elas pode-se citar a Cooperativa Agrícola de Cotia, na época a maior cooperativa do Brasil, a Ceval, indústria de esmagamento de soja, mais tarde incorporada pela Bünge Alimentos, sendo hoje esta unidade a maior esmagadora de soja de toda a América Latina, e também uma grande cooperativa regional, a Cooperativa do Oeste de Minas Gerais.

 

Vista aérea da cidade

Vista aérea da cidade

 

Sua agricultura é pujante, diversificada e de grande produtividade, possuindo grandes áreas irrigadas. Sua pecuária é de alta qualidade tanto na área genética como tecnológica. Neste ano de 2007, entrará em funcionamento um grande e moderno frigorífico de aves, paralelamente estará funcionando uma fábrica de ração para sustentar os produtores integrados de mais de um milhão de aves por mês, transformando-se assim o município num dos maiores produtores de aves da Bahia, se não o maior.

Fonte: http://bahia.com.br

 

 

A cozinha do interior foi uma atração a parte, com seu fogo de chão sempre reluzente e com preparações executadas em enormes tachos (tachadas), foi um dos ambientes mais procurados pelo grande público.

 

Na área interna aconteceram várias oficinas, a maioria delas realizadas por moradores da cidade de LEM; Nesse ambiente, os oficineiros valorizam os ingredientes locais, pratos como cuzcuz com embutidos artesanais, arroz de puta rica e doces como beijo de mulata, cueca virada e compotas com insumos da cidade fizeram a alegria dos visitantes, muitos deles, crianças.

 

ESTRUTURA DETALHADA
  • Cozinha do Interior: Um espaço onde são preparadas por chefs e convidados as “tachadas”, o café no bule com biscoitos e acontece a recepção a quem chega ao Festival.
  • Armazém do Interior: Onde estarão expostas e serão vendidas uma grande variedade de castanhas, sementes, rapaduras e produtos da roça.
  • Acampamento Gaúcho: espaço utilizado pelo CTG Sinuelo dos Gerais para preparações das comidas típicas gaúchas.

 

 

Feira de Economia Solidaria e Agricultura Familiar - LEM 2016

Feira de Economia Solidaria e Agricultura Familiar – LEM 2016

 

  • Tenda do Carneiro no Buraco: Uma preparação gastronômica que começa a meia noite do sábado e conclui ao meio dia de domingo. Uma celebração da cozinha.
  • Auditório de aulas-show e rodas de conversa com capacidade para 120 pessoas, com tela de alta definição, sistema de refrigeração de ar, equipamento de som e filmagem.

 

Feira de Economia Solidaria e Agricultura Familiar - LEM 2016

Feira de Economia Solidaria e Agricultura Familiar – LEM 2016

 

  • Cozinhas de Oficinas Gastronômicas: Cozinhas com equipamentos de som e vídeo nas quais os chefs e ‘oficineiros’ realizarão, simultaneamente, preparações para um público de até 50 pessoas.
  • Açougue para Oficinas Técnicas: Com participação de 30 pessoas em cada evento.
  • Feira Expositiva de Produtos e Economia Solidária: Tendas de 3x3m e balcões 2x2m disponibilizados para exposição e venda com empresas produtoras de alimentos, equipamentos para cozinhas, bares e restaurantes e outros produtos e para empreendedores da Economia Solidária.
  • Praça de Alimentação: Estandes 4x4m para instalação de restaurantes.

 

Feira de Economia Solidaria e Agricultura Familiar - LEM 2016

Feira de Economia Solidaria e Agricultura Familiar – LEM 2016

 

No auditório principal, lindamente decorado, ocorreram as aulas show com os chefs convidados, momentos de deleite para os espectadores que podiam degustar duas preparações diferentes por aula, totalmente gratuito.

 

Estamos cada vez com mais as aulas com a comunidade local e o resultado tem sido fantástico, histórias dos pratos, dos ingredientes e das famílias são compartilhadas, cantam canções antigas misturando muitas emoções, está sendo lindo!afirma Chef Rosa Gonçalves


 

Conheça os chefs que participaram:

 

Chef Rosa Gonçalves - BA
André Mendes
Bruno Brunonni
Charles Silva
Eber Leão
Jamilton Rodrigues
Junior Franca
Kananda Gomes
Maria Vasques
Maria Darcneider
Marina Sabino
Olavo Nascimento
Osmane Silva
Rodrigo Castro

 

 

 

por Bruno Brunonni
Instagram: @chef_brunonni
Whats: 81 9832-6207

Fotos Junior Ferrari

 

 

 realização da Escola de Gastronomia Rosa Gonçalves, com apoio da Prefeitura Municipal de Luís Eduardo Magalhães, da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Luís Eduardo Magalhães (Agrolem); do Crea-Bahia; do Sindicato dos Produtores Rurais de LEM e do Governo da Bahia através da Superintendência de Economia Solidária da Setre.

Deixe sua opinião, assim podemos melhorar.

Artigos Relacionados