malak-00b-superchefs

A cerimônia final

Hoje é a cerimônia final, após 12 dias de “luto”. Todos acordaram cedo, eu principalmente (5:00). Aqui todos tem uma função especifica.

 
Bom pelo o que entendi, 12 dias de culto diário, com o pandit vindo fazer as orações. Há algumas curiosidades como por expl. Os homens dormem no chão, comem comidas de que a pessoa que morreu gostava, o filho mais velho deve acompanhar o corpo e atear fogo, ele que prepara tudo, toda comida que ele come a mãe ira sentir de onde esta.

 
Não se compra nada novo como comida, roupas, não pode-se comer fora de casa . Hoje todos se vestem de branco ou o mais claro possível. As pessoas não visitam a casa de quarta e sábado. A responsabilidade do mais velho é grande, tudo depende dele e o comando Tb e dele.

 

malak-01-superchefs
Um fato curioso, Nee me disse pra me aprontar e guardar todas as coisas nossas coisas, pois virão muitas pessoas de fora e todas mexem em tudo e roubam de dentro de casa. Eles não tem cerimonia, abrem armários e geladeira. Comprei chocolates e sucos, todos pegaram. As crianças fazem coisas como as nossas, e não são repreendidas como as nossas. O erro da educação é mundial!!! Kkkk

 

malak-02-superchefs

 

A função começou, são 8:00. Chegaram alguns homens e estes estão lá fora no quintal começando a preparar os alimentos. Se a Paty (minha prof de nutrição, que provavelmente vai ler isso) tivesse aki e visse isso com certeza infartaria!!! Vou ter q comer e esquecer por um momento tudo que aprendi e principalmente o que vi.

 
Eles sentam no chão e começam, a descascar e cortar, jogam em panelas grandes, sem nenhuma preocupação com higiene. Eles são bem desapegados a essas “frescuras”, tipo água e detergente. Confesso que estou com um mix de sentimentos, tipo curiosidade, expectativa e …medo. Cada dia que se passa tenho uma surpresa e pensamentos como tudo funciona. Estar aki e estar realmente em um outro mundo. A sensação é indescritível…acho que já falei isso???? Cada dia percebo mais que nunca moraria aki.

 

 
Nee comentou que sábado iremos ao ganga, pois eles tem que se banhar para purificação e me incluiu nessa!!! :0 São 7 mergulhos…7 entendenram??? Mas acho q vou me safar dessa!! Será? Quando lembro daquele email que quase todos nós recebemos sobre o rio ganga, na época da novela, quero sair correndo so em pensar em ter q tocar na água, apesar de ele jurar que é santa. Ok, santa, mas suja, com aqueles corpos boiando e cinzas de milhões e milhões de seus ancestrais. Vou verificar isso sábado , que sabe estou exagerando.

 
Lets see!!

 

 

malak-03-superchefs

 
Pedi permissão para registrar a cerimonia com fotos e filmagem. Achei importante! Acabei de participar da cerimonia. Me senti realmente membro da família. Filmei pos um tempo e tirei fotos. 2 pandits realizaram o q podemos comparar a uma missa, mas bem mais mística. Eles colocaram uma fita vermelha no braço dos familiares que significa proteção divina como um escudo para nada de mal te acontecer, lembrei da musica de São Jorge. Uma das hrs não registradas, pois tive que participar, é quando eles começam a jogar tipo de uma terra na fogueira e recitar algo que todos repetem uma palavra. Isso dura uns 20 min.

 

 

Certo momento eu quase morro sufocada com a fumaça que começa a aumentar, tive que ir para fora, meus olhos e pulmão estavam inoperantes… kkk  O irmão dele após tudo começou a chorar, com certeza tudo isso mexe muito com todos eles e logicamente vc se sente totalmente envolvido mesmo sem estar entendendo nada, chorei Tb!! Após isso a familia da ao casal do pandit, muitos presentes.

 

malak-04-superchefs
Entraram no meio da cerimonia alguns homens os quais eles chamam de “santos”, pedindo dinheiro. As pessoas tem uma idéia que a India é tão espiritualizada, cheia de orações e desapegada ao bem material, por causa dos templos e deuses, mas o apego material aki é grande, mixado a essa espiritualização, vi muito dinheiro passando pra lá e pra cá, fora que eles acreditam q os presente que dão aos pandit, a mãe sempre terá onde elas esta podendo usar e comer tudo o que gosta.

 

 

Tambem tem a hr em q os filhos alimentam os 11 pandits os quais comem primeiro que todos. To sentindo falta da minha vidinha normal. Não que não esteja gostando, tudo isso e muito novo e aprender cada vez mais e sempre gratificante. Mas…. sinto falta da minha casa, filhas, gato, cama e marido….kkk As pessoas começam a chegar não vejo a hr q isso acabe.

 

malak-05-superchefs

 

Acabei dormindo, o calor e insuportável, não consigo sair do quarto e minha cunhada cuida de mim o tempo todo, ela é realmente a cunhada que qq uma gostaria de ter.  Depois varias pessoas entraram no quarto acho que por causa do ar condicionado, mas com certeza para ver o alien que esta La dentro guardado…kkk Após algum tempo fomos a garagem onde foi montado um tipo de tenda, onde houve outra cerimonia, na qual quase cai dura de sono, e ainda com akelas vozes e mantras…para tudooooo!!! A onda de sono e incontrolável qdo o pandit começa a falar, parece que tem algo na voz dele.

 

 
Depois de colocar flores na imagem dela Tb coloquei uma nota de 10 rupias. Parece que aki fé e dinheiro não se desgrudam, Nee falou q esse dinheiro é para os pandits, pois eles vivem disso. Não tão diferente dos nosso padres, mas aki eles não tem salário do vaticano.

 

malak-06-superchefs
Pessoas te dão bencao dando dinheiro…kkk   São 5 da tarde, as pessoas estão indo embora, após comer e beber muito.(incluisive meus sucos…kkk).  A família do Nee(pai, Irmã e irmão), são bem diferentes do restante e não se sentem confortável com essas pessoas aki, mas como é tradição, eles se sentem ofendidos com essas coisas com dinheiro. Nee me pediu para não aceitar nada de ninguém e o pouco que tinha ele ia dar para alguns pobres. O mesmo será feito com a comida que sobrou…

 
Noite, a casa voltou ao normal, colocaram os moveis de volta em seus lugares, fomos dormir cansados.
Próxima aventura: Delhi!

 

* Os artigos assinados pelos colunistas são de inteira responsabilidade dos autores e não reflete, necessariamente, a opinião do site. O SuperChefs, democraticamente, abre esse espaço para que os colunistas tenham total liberdade para exporem suas opiniões nos textos sem nenhum tipo de censura. Os textos são pessoais e cada colunista escolhe o assunto que achar interessante, sendo responsável por eles.

Deixe sua opinião, assim podemos melhorar.

Artigos Relacionados