alho-negro-do-sitio-foto cristiano fao

Alho negro brilha na gastronomia paulista

Muito utilizado em outros países o alho negro

aos poucos conquista o paladar dos brasileiros.

 

 

 

Levemente adocicado lembrando sabores como melaço, ameixa preta, o alho negro ainda possui fortes notas de Umami, o quinto sabor. Restaurantes da capital paulista já exibem em seus cardápios pratos com esta iguaria da gastronomia internacional.

 

O alho negro é o alho in natura que, após passar por um processo de fermentação e submetido a condições de temperatura contínua aproximada de 65°C e umidade controlada, ganha novas e surpreendentes características de textura, sabor e odor. Sem o acréscimo de qualquer tipo de aditivo químico, a coloração preta e as outras novas características são um verdadeiro convite às criações gastronômicas mais diversas.

 

O alho é rico em proteína, glicose, fósforo, sódio e vitamina B1. Além dos benefícios à saúde, o alho negro tem se tornado um símbolo de inovação na gastronomia, principalmente pelo sabor singular e a ausência do cheiro que caracteriza o alho in natura. explica Fernando Kondo, produtor de Alho Negro.

alho-negro-do-sitio-foto cristiano fao (2)

Foto Cristiano Fao

 

Uma iguaria de origem japonesa ainda segundo Fernando Kondo, o alho negro ficou famoso quando o estrelado chef espanhol Ferran Adrià realizou uma viagem ao Japão em 2007 e voltou para o seu El Buli, então o mais renomado restaurante do planeta, com alguns bulbos do ingrediente.

Há controvérsias se Adrià foi realmente o primeiro chef ocidental a utilizar o alho negro em suas criações. Mas não restam dúvidas de que tenha ajudado a divulgar a iguaria. Rapidamente, outros grandes chefs na Europa e nos EUA descobriram o dinamismo do alho negro, transformando-o em uma espécie de estrela da alta gastronomia internacional.

 

alho-negro-do-sitio-foto cristiano fao (1)

Foto Cristiano Fao

 

 

Mais sobre Alho Negro do Sítio

A missão do Alho Negro do Sítio (www.alhonegrodositio.com.br) é produzir alho negro nacional de qualidade premium para atender da melhor forma a procura dos chefs de todos os tipos de cozinha interessados inovar e em ampliar as suas experimentações.

De forma extremamente cuidadosa desde a escolha das sementes até o processo de fermentação, o Alho Negro do Sítio já é referência em sabor e qualidade de entrega.

 

Fernando Kondo

Formado pela Universidade Agrícola de Tóquio, Kondo auxilia diretamente seu pai na produção do Alho Negro do Sítio. A família Kondo produz alho roxo há mais de 30 anos na cidade de Guatapará, no interior de São Paulo.

 

 

 

Alho Negro do Sítio
Fernando Kazuhiko Kondo
vendas@alhojapones.com
(11)4106-4585, (11)9-8772-6376

 

Deixe sua opinião, assim podemos melhorar.

Artigos Relacionados